Translate

segunda-feira, 29 de dezembro de 2014

E.T de Varginha. Itaara. RS. 2014


E.T.S. Itaara. RS. 2014


Observatório. Itaara. RS. 2014


E.T. Itaara.RS.2014


Museu de Ufologia. Itaara. RS.2014


Santa Maria Mãe de Deus. Mata.RS.2014


Carpas Japonesas. Mata. RS. 2014


Jardim da Paz. Mata. RS.2014


Arte Funerária. Mata.RS.2014


Museu Fragmentos do Tempo. Mata. RS.2014


quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Pedra da Cruz. Caçapava do Sul, Guaritas, Minas do Camaquã. Caçapava do Sul.RS.2014


Visita a Caçapava do Sul, Guaritas e Minas do Camaquã (sem Minas). Out.2014

Nada melhor para fugir do tédio, que desbravar novos lugares. E a tempos as Guaritas e Minas do Camaquã estavam aguçando minha curiosidade. E tão perto de casa, sendo que Caçapava fica a 90km de Santa Maria, onde moro, chegava a ser uma vergonha não conhecer Caçapava e seus encantos. Saímos de Santa Maria por volta das 10 horas, e antes do meio dia chegamos a Caçapava. A primeira coisa que nos chamou atenção foi a imensa e linda igreja matriz bem no centro da cidade, bem perto existe a casa de Borges de Medeiros (foi um político brasileiro, tendo sido presidente do estado do Rio Grande do Sul por 25 anos, durante a República Velha). Bom e aí a fome apertou e que fazer? Perguntar ao primeiro transeunte onde podíamos comer. E qual foi nossa surpresa ao perguntarmos para uma senhorinha que vinha passando, qual lugar mais perto para comermos. E ela além de nos indicar, como era longe se prontificou a nos acompanhar por 10 quadras até o excelente restaurante Don Pedro. É existem pessoas gentis ainda nesse mundo. Quando em uma cidade grande alguém faria isso? Só se fosse para nos assaltar. Bem alimentados, rumamos ao forte Dom Pedro II, grandes muros de pedra, dos idos tempos das guerras farroupilhas. E não é atoa a cidade de Caçapava ser conhecida como 2ª Capital farroupilha, onde se passaram diversas guerras, e conflitos dos tempos da revolução gauchesca. Deixando o forte, paramos no primeiro posto e nos indicaram o rumo das Minas do Camaquã, saindo de Caçapava seguimos 13 km pela BR-392, depois mais 52 km pela BR-153, e finalmente 25 pela estrada de terra ERS 625 .Estes últimos 25 km, pelo caminho podemos avistar as incríveis Guaritas, pedras gigantes corroídas pelo tempo, em forma diversas, de torres de igrejas dentre outras tantas que imaginação permitir. Também fomos brindados pela visão de lindos cabritinhos no alto das pedras. Fiquei fascinado, e queria muito ter chegado mais perto das pedras, mas ao perguntar aos nativos, ninguém soube me dizer como fazê-lo, se existia uma trilha. Apenas me disseram que os donos das propriedades não gostavam que turistas entrassem nas propriedades e que o local era perigoso. Bom se é perigoso deixemo. Até porque minha amada, já estava apavorada, que eu caísse dos penhascos, isso sem nem ter cruzado a cerca que dava acesso aos locais. Viagem que segue, e chegamos nas Minas, mas para nossa profunda tristeza, como era dia de votação, não haviam guias, e estava tudo fechado, o jeito, foi deixar esse passeio para uma próxima vez. Mas mesmo assim visitamos a linda vilinha, e como não poderia deixar de ser, conseguimos apreciar o interessantíssimo Cine Rodeio, e o antigo maquinário das Minas, largado a ação do tempo, no jardim, além de outros locais da vila. Ficamos deslumbrados com a visão ao fundo da Pedra da Cruz, e outras tantas pedras imensas que rodeiam o local. Tem ainda a prainha, que também deixamos para uma próxima. Mas mesmo assim a viagem foi ótima, um merecido alimento para a alma, que só quem já visitou o lugar conhece, pois o mesmo tem um astral ótimo, e nos brinda a todo momento com lindas paisagens e visões. 

fonte:http://impressoesdeumexbeduino.blogspot.com.br/2014/11/visita-cacapava-do-sul-guaritas-e-minas.html

Lolo. Santa Maria.RS.2014


Museu Municipal de Mata.RS.2014


HISTÓRIA DA CIDADE

Mata teve como primeiros moradores os indígenas Humaitá, Umbu e Tupi-Guarani. No ano de 1836, o Governo Imperial destinou uma légua de sesmaria de campo a um casal português, vindo de Pernambuco, porto de Portugal, para a criação de gado. Somente em 1976, com a chegada do padre Daniel Cargnin, apreciador dos estudos de Paleontologia, é que a comunidade passou a conscientizar-se do valor científico dos fósseis existentes na região. Ali o visitante poderá apreciar o Jardim Paleobotânico, que é a única reserva delimitada do Brasil que conservam fósseis vegetais com mais de 200 milhões de anos, Triássico Superior em formatos, cores e dimensões diferentes.

fonte:http://www.ferias.tur.br/informacoes/7858/mata-rs.html

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

Travessia. Tramandaí.RS.2010


Ruas de Santa Cruz do Sul.RS.2014


Trinca de Ases. Santa Maria.RS.2014


Cine Rodeio. Minas do Camaquã. Caçapava do Sul.RS.2014


Cine Rodeio: salão no estilo “velho oeste” onde funcionava um cinema, atualmente o local é usado para eventos. Em frente estão expostos permanentemente máquinas e vagonetes usados nas minas.

fonte:http://turismocacapavadosul.com.br/atracoes-turisticas/minas-do-camaqua/

Gato de Chapéu. Lion. Santa Maria.RS.2014


Florybal. Gramado.RS.2014

Fotografado por Denise Machado Moraes

terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Capela Azul Mãe Rainha. Santa Maria.RS. 2014


Capela Azul. Santa Maria.RS. 2014


Ermida da Mãe Rainha. Santa Maria.RS.2014


Ermida da Mãe Rainha. Santa Maria.RS.2014


Caminho do Peregrino. Santa Maria.RS.2014


Rincão da Glória. Jari.RS.2014


A origem do nome “Jari” é indígena. Significa o Rio do Senhor ou o Pequeno Riacho.

A história do surgimento da localidade de Jari está ligada à ação dos jesuítas, no século XVIII.

Onde hoje está situado o município havia uma fazenda de criação de gado dos jesuítas, chamada “São Francisco Xavier de Jari”. Jari, em Tupi Guarani, quer dizer: “Pequeno Riacho”.

Estes riachos eram fundamentais para a localização dos caminhos utilizados pelos índios, com a orientação dos jesuítas.

Esses caminhos se tornam úteis para o deslocamento das “tropas”, que se dirigiam da Região norte do estado para as Charqueadas que se localizavam especialmente na região Sul do estado.

Com a expulsão dos Jesuítas, no final do século XVIII, a área foi reivindicada pelo senhor Peixoto junto ao império português, por doação em sesmarias.

Parte da área localizada no Distrito de Jari, foi colonizada por alemães, poloneses, russos e alguns italianos.

fonte:A origem do nome “Jari” é indígena. Significa o Rio do Senhor ou o Pequeno Riacho.

A história do surgimento da localidade de Jari está ligada à ação dos jesuítas, no século XVIII.

Onde hoje está situado o município havia uma fazenda de criação de gado dos jesuítas, chamada “São Francisco Xavier de Jari”. Jari, em Tupi Guarani, quer dizer: “Pequeno Riacho”.

Estes riachos eram fundamentais para a localização dos caminhos utilizados pelos índios, com a orientação dos jesuítas.

Esses caminhos se tornam úteis para o deslocamento das “tropas”, que se dirigiam da Região norte do estado para as Charqueadas que se localizavam especialmente na região Sul do estado.

Com a expulsão dos Jesuítas, no final do século XVIII, a área foi reivindicada pelo senhor Peixoto junto ao império português, por doação em sesmarias.

Parte da área localizada no Distrito de Jari, foi colonizada por alemães, poloneses, russos e alguns italianos.

fonte: http://www.jari.rs.gov.br/o-municipio/historico



Capela Nsa Senhora Consoladora dos Aflitos. Rincão da Glória. Jari. RS. 2014.


Capela Nsa Senhora Consoladora dos Aflitos. Jari.RS.2014


Andanças. Jari.RS.2014


Capela São Pio. Colônia Pinheirinho. Mata.RS. 2014


quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

Prefeitura Municipal. Agudo.RS. 2009


Atrativos

Agudo
    » Balneário e Camping Drews
    » Balneário e Cascata Friedrich
    » Balneário Hoffmann
    » Cascata do Raddatz
    » Gruta dos Índios
    » Instituto Cultural Brasileiro Alemão
    » Rampa de Asa Delta e Paraglider
    » Usina Hidrelétrica de Dona Francisca


fonte:http://www2.turismo.rs.gov.br/portal/index.php?q=atrativo&cid=8

Igreja Nossa Senhora das Dores. Santa Maria.RS.2010


terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Feisma. Santa Maria.RS.2010


Exposição de Arte. Feisma. Santa Maria.2010


Tudo É Possível. Exposição no MASM. Santa Maria.RS.2013


RapaNui.Ferrugem.SC.2011


“Entretenimento na Ferrugem”

O Rapa Nui é um dos poucos lugares que podem ser chamados de "balada" na praia da Ferrugem. Funciona apenas em eventos especiais. A estrutura é roots, com pouca ventilação, mas fica localizado no centro da região
autor:gusfructuozo
Curitiba, PR

fonte: http://www.tripadvisor.com.br/ShowUserReviews-g303577-d5750520-r197258513-Rapa_Nui-Garopaba_State_of_Santa_Catarina.html#


Ginásio de Esportes. São Martinho da Serra. RS. 2012